Biografia - Henry Fane

Fane, Sir Henry
n: 26 de Novembro de 1778
m: 24 de Março de 1840

Entrou para o exército em 1792 num regimento de cavalaria, tendo sido promovido a tenente num regimento de infantaria nesse mesmo ano. Capitão em 1793, transferiu-se de novo para a cavalaria. Em 1793 e 1794 foi ajudante-de-campo do seu tio,  o conde de Westmorland, governador da Irlanda. Regressado ao seu regimento, o 4º regimento de "Dragoon Guards", foi promovido a major em 1795 e tenente-coronel em 1797.

Em 1802, sucedeu ao seu Pai, enquanto Membro do Parlamento por uma circunscrição pertencente à família Westmorland. Em 25 de Dezembro de 1804 transferiu-se para o 1º regimento de "Dragoon Guards," pertença do Rei de Inglaterra, sendo nomeado no primeiro dia do ano seguinte ajudante-de-campo do Rei, com a patente de coronel. Em Junho de 1808 foi enviado para o Estado-Maior da força expedicionária reunida em Cork, sob as ordens do futuro duque de Wellington, com o posto de Brigadeiro, sendo pela primeira vez nomeado para servir em campanha. Por ser o mais jovem dos generais britânicos, que participaram na expedição que desembarcou em Portugal em Agosto de 1808, foi nomeado comandante da Brigada Ligeira.  Na Roliça, comandou a guarda-avançada, tendo conseguido flanquear a direita francesa o que fez com a força francesa retirasse. Na batalha do Vimeiro a sua brigada defendeu, juntamente com a de Anstruther, a igreja e o cemitério dos ataques dos franceses comandados por Junot. Após a Convenção de Sintra, foi nomeado pelo general Moore general de uma brigada da divisão de Mackenzie Fraser. Participou em toda a campanha espanhola do exército britânico, tendo estado presente na batalha da Corunha.

Enviado novamente para a Península, na primavera de 1809, comandou uma das brigadas de cavalaria do exército britânico que expulsou Soult de Portugal, estando também presente na batalha de Talavera. Em 1810 promovido a major-general, e por ser o segundo oficial de cavalaria mais graduado, foi-lhe dado o comando da cavalaria do corpo independente de Hill, que estava estacionado no Alentejo. 

Fonte:
The Dictionary of National Biography, 
founded in 1882 by George Smith 
Oxford, Oxford University Press, 1998

Biografia retirada daqui
0